2ºDia – Cambará do Sul-RS / Urubici-SC – Maio 2015

2º Dia / 18 Maio 2015 / Segunda-feira
(Cambará do Sul-RS)

Acordamos, tomamos o café da manhã e saimos.
O café da manhã da pousada até que estava bom.
Pouca variedade mas tudo muito gostoso.

Café da manhã / Pousada Corucacas
Café da manhã / Pousada Corucacas
Café da manhã / Pousada Corucacas
Café da manhã / Pousada Corucacas

 

 

 

 

 

 

 

 

Hoje vamos conhecer o Canion Fortaleza que fica dentro do Parque Nacional da Serra Geral.
Conforme informação na pousada até o Canion seriam mais ou menos uns 19Kms.
Saímos da pousada e paramos no mercado Portela Pioner na  Av. Getúlio Vargas nº 1853.
Compramos suco, salgadinhos, biscoitos e batata fritas.
Gastamos R$ 24,25.

Saímos de Cambará pela Av. Getúlio Vargas  que fora do perímetro da cidade passa a ser a  RS.020.
Depois de rodarmos aproximadamente uns 10/11 kms pela RS.020, terminou o asfalto. Dai pra frente terra.
Apesar desse trecho ser de terra batida até que esta bom.

Rodamos uns 3 Kms e chegamos a guarita do ICMBio-Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade  que é a portaria do Parque Nacional da Serra Geral onde é feito o controle de acesso de veículos.
O guarda do parque nos informou sobre os cuidados que deveríamos ter ao entrar na área do parque, como, não deixar lixo jogado pelo parque, existem lixeiras em todos os caminhos e trilhas, não sair com o veículo da estrada principal  e seguir todas as orientações existente nas trilhas. Mais 4 km a frente é o término da estrada onde esta o estacionamento. Desse ponto em diante só a pé.
Não é cobrada nenhum tipo de taxa para se entrar no parque.
Vamos lá, mais 4 km de terra…….eu gosto.

O Parque Nacional da Serra Geral funciona de Segunda a Domingo das 08:00 horas as 17:00 horas
É recomendado levar água e alguma coisa para comer, pois na verdade o parque não tem nenhuma infraestrutura de apoio ao turista, como sanitários nem locais para alimentação. Na verdade o único sanitário existente em todo o parque fica na guarita do guarda do parque e é precário demais.

PARQUE NACIONAL DA SERRA GERAL
O Parque Nacional da Serra Geral é uma unidade de conservação brasileira de proteção integral da natureza situada na divisa entre os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, com território distribuído pelos municípios de Cambará do Sul, Jacinto Machado e Praia Grande.
Serra Geral foi criado através do Decreto de Nº 531, emitido em 20 de maio de 1992, com uma área de 17 301,96 ha. O território do parque é limítrofe ao do Parque Nacional de Aparados da Serra, constituindo um ecossistema de rara beleza e importante área de biodiversidade destinada a fins científicos, culturais e recreativos. Sua administração cabe atualmente ao ICMBio –  Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade.

Mais de vinte anos depois, a estrutura para receber os visitantes continua precária, não há sequer cercas de proteção para os mirantes vertiginosos do Canion da Fortaleza e da cachoeira do Tigre Preto, os pontos mais visitados pelos turistas, com ou sem guia.

Mapa Canion Fortaleza
Mapa Canion Fortaleza

Algumas das trilhas mais procuradas no parque são: Cachoeira do Tigre Preto, Pedra do Segredo e Mirante da Fortaleza.
Nós fomos direto para  o Mirante da Fortaleza que fica no fim da estrada depois do estacionamento.

Mirante da Fortaleza
Mirante da Fortaleza
Mirante da Fortaleza
Mirante da Fortaleza

 

 

Inicio da trilha Mirante da Fortaleza
Inicio da trilha Mirante da Fortaleza
Inicio da trilha Mirante da Fortaleza
Inicio da trilha Mirante da Fortaleza

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MIRANTE DA FORTALEZA
É uma trilha de dificuldade média, realizada em cerca de duas horas (3,5 km, ida e volta). O principal mirante para o Canion da Fortaleza está a 1.115 metros de altitude. Da primeira vez, o visitante olha para cima e acha que não vai conseguir chegar lá. Mas consegue. Basta superar o primeiro trecho, íngreme, e depois a trilha se revela tranquila.

A subida foi cansativa e puxada para mim que não tenho preparo nenhum. Mas consegui.
E depois de todo esforço da subida fomos presenteados por uma visão estonteante do Canion.

20150518_113418e

Mirante da Fortaleza
Mirante da Fortaleza

 

 

 

 

 

Canion Fortaleza
Canion Fortaleza

Sem palavras para descrever o que estávamos vendo.

Canion Fortaleza
Canion Fortaleza

Era a natureza nos presenteando com sua exuberante beleza.

Canion Fortaleza
Canion Fortaleza
Canion Fortaleza
Canion Fortaleza

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O dia estava limpo e sol mas no Canion isso não importa muito.
A paisagem muda constantemente.
Nesse momento o Canion estava parcialmente coberto pela cerração mas nem por isso encobria sua beleza.
Logo em seguida a neblina subiu e fomos presenteados com a visão total  do Canion. É o momento ideal para as fotos e filmagens. E claro não perdemos tempo em registrar toda essa beleza.

Canion Fortaleza
Canion Fortaleza
Canion Fortaleza
Canion Fortaleza

Andamos um pouco pela borda da boca do Canion. Achamos um pouco arriscado, pois não existe nenhum tipo de proteção  ou contenção para impedir a aproximação arriscada e perigosa da borda do Canion.
img_2983-e20150518_125517-e

Canion Fortaleza
Canion Fortaleza
Canion Fortaleza
Canion Fortaleza

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Logo em seguida a neblina voltou a cobrir boa parte do Canion, mas mesmo assim não tirou sua beleza.
20150518_120504-e20150518_120509-e

20150518_112550-e20150518_124921-e

img_2995-e20150518_120526-e

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na verdade não se tem muito o que falar. Deixamos vocês com as fotos e as filmagens do local.
Depois de descansarmos um pouco e apreciarmos toda a beleza do local iniciamos o retorno.
Já no estacionamento aproveitamos para descansar um pouco e fazer um pequeno lanche.

20150518_123115-e
Voltamos pela mesma estrada para irmos até a Pedra do Segredo e a Cachoeira do Tigre Preto que ficam na mesma trilha.
trilha-da-pedra-do-segredo-epn-serra-geral-e

 

 

 

 

 

 

Não é muito fácil encontrar o inicio da trilha, pois na estrada a sinalização para a mesma é precária.
Nós só conseguimos porque na ida vimos uns carros parados a beira da estrada e nos chamou a atenção e ai é que vimos uma placa toda deteriorada pelo tempo indicando o nome da trilha ao lado de uma lixeira. Marcamos o lugar por isso.
20150518_135017-e
Paramos o carro a beira da estrada e fomos caminhar.
A trilha da Pedra do Segredo / Cachoeira do Tigre Preto tem 3 km (ida e volta).
20150518_134427-e

Inicio da trilha
Inicio da trilha Pedra do Segredo / Cachoeira do Tigre Preto

Iniciamos a trilha e depois de algum tempo caminhando  notamos que o terreno estava ficando ruim de se andar.Estava molhado, em alguns trechos tínhamos que descer por uma trilha estreita em degraus de terra, no momento barro e cascalho.Atravessamos um córrego raso e continuamos. Saímos em um lugar descampado ao lado do Arroio Segredo.

Arroio Segredo
Arroio Segredo
Arroio Segredo
Arroio Segredo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Continuamos beirando o arroio. Caminho dificultado pela quantidade de pedras e terreno incerto. Chegamos a beira  da Cachoeira do Tigre Preto.
20150518_133244-e20150518_133319-e

 

 

 

 

 

 

Paramos olhamos, olhamos, olhamos e na verdade não criamos coragem de arriscar a travessia por cima do lajeado sobre a  queda da cachoeira devido a quantidade e a força da água. Em nome da segurança nos privamos de ver a queda d’água da cachoeira com seus 400 metros de altura e de ver a Pedra do Segredo. Retornamos para o carro.
Como já eram quase 14:00 horas resolvemos voltar para Cambará.
20150518_135259-e20150518_135309-e

 

 

 

 

 

A volta foi tranquila e nós ainda estávamos embebidos com a beleza do Canion.
Chegando em Cambará fomos procurar um restaurante para almoçar.
Tínhamos pego na pousada alguns folders e entre eles tinha um do Restaurante Galpão Costaneira.
Resolvemos ir experimentar.

Restaurante Galpão Costaneira
Restaurante Galpão Costaneira
Restaurante Galpão Costaneira
Rua Dona Ursula nº 1069 – Centro.

É um restaurante rústico estilo campestre.
Chegamos por volta de 14:30 horas e estava vazio.
Estranhamos um pouco, pois no dia anterior tivemos a informação que os restaurantes apresentam maior movimento por volta desse horário, devido ao retorno das pessoas  dos passeios.

Restaurante Galpão Costaneira
Restaurante Galpão Costaneira
Restaurante Galpão Costaneira
Restaurante Galpão Costaneira

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Arriscamos e não foi uma boa escolha. Não tinha quase nada para comer.
Havia pouca variedade no buffet e o que tinha parecia que estava sobre a chapa quente por muito tempo.
Não foi uma boa escolha.
Pagamos pelo buffet para duas pessoas, um suco de laranja e uma Coca Cola R$ 84,00.
Muito caro pelo que oferece.
Não sei se não demos sorte.
Mas não recomendamos o Restaurante Galpão Costaneira.
Como já era fim de tarde e estávamos cansados resolvemos ir direto para a pousada.

Pousada Corucacas
Pousada Corucacas
Pousada Corucacas
Pousada Corucacas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Chegando na pousada descansamos um pouco e resolvemos tomar um banho antes que esfriasse mais. O chuveiro continua não esquentando muito apesar de termos reclamado com o proprietariado.
Como ainda tínhamos algum lanche resolvemos comer no quarto mesmo e dormir cedo que amanhã tem mais.
Boa noite……….

RESUMO DO DIA

ROTA
Av. Getulio Vargas / RS.020

ALIMENTAÇÃO
R$ 108,25

 

49 Km Rodados

 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*