12ºDia – Santos / Ushuaia – Abril 2016

12º Dia / 02 Abril 2016 / Sabado
(Rada Tilly-ARG / Puerto San Julian-ARG)

Acordamos e tomamos banho.
Como havíamos previsto na noite anterior a água do banho chegou até o quarto.
Ao menos o chuveiro era muito bom, muita água e bem quente. Ao menos isso.
Arrumamos as coisas no carro, fizemos o check-out e saímos.
Fomos tomar cafe e abastecer no posto que paramos na noite anterior.

ESTACION DE SERVICIO YPF – Viento Del Sur
Almirante Brown c/ Fragata Pres. Sarmiento, 2024 – Rada Tilly

Abastecemos…………..23,5 litros
Preço da Gasolina……AR$     12,74
Gastamos……………….AR$ 300,00
Café da manhã :  2 cafés AR$ 30,00 / 7 medialunas AR$ 28,00 / 1 água AR$ 21,00 = AR$ 79,00.
Agora com o carro e nós abastecidos é hora de pegar a estrada.
Antes de pegar a estrada resolvemos dar uma passadinha a beira mar para conhecer.
Paramos na Rambla e ficamos surpresos com o que vimos. A praia é uma pequena falésia. Lugar muito bonito e limpo.

E fomos presenteados com um lindo amanhecer dourado.

Amanhecer em Rada Tilly

Retomamos a Ruta Nacional 3 (RN.3).
Nosso destino hoje, se tudo correr bem, é Puerto San Julian.
A RN.3 continua em pista simples.
                                                                                     Ruta Nacional 3 (RN.3)


O dia esta bom, sol mas como sempre um vento frio.
Não rodamos nem meia hora e mais ou menos no Km 1857 da RN.3 encontramos um posto policial(Control Policial – Sub Comisaria Ramon Santos) onde , claro, fomos parados. O policial pediu os documentos do carro, a carta de motorista, a carta verde e os passaportes.
Após fazer a checagem pediu para acompanha-lo até o posto para fazer o registro. Não entendi nada, mas fui né.
Dentro do posto ele pediu para preencher um livro com meu nome e da esposa, o  numero dos passaportes, a placa do veículo a origem e o destino da viagem. Perguntei o que era esse registro e o policial explicou. Como era divisa da Provincia de Chubut e  Província de Santa Cruz  era feito esse registro para o controle de todos os carros estrangeiros que trafegavam por ali.
Em seguida fomos liberados para continuar viagem.
Fica aqui nosso elogio aos policiais pelo comportamento na abordagem. Foram educados e atenciosos.

Antes de atravessarmos a cidade Caleta Olivia, a RN.3 corta a cidade, encontramos um YPF e resolvemos parar para esticar as pernas, pipi e um cafezinho.

ESTACION DE SERVICIO YPF – San Carlos
RN.3 – KM.1916 – Caleta Olivia

Café AR$ 30,00.
Seguimos viagem.
Atravessando a cidade, em uma rotatória, nos deparamos com uma estátua, para nós estranha, devia ter uns 10 metros de altura, parecia ser um trabalhador abrindo ou fechando uma válvula. Ficamos curiosos e paramos para tirar umas fotos.

El Gorosito
MONUMENTO AO PETRÓLEO – “EL GOROSITO”
Uma atração para quem visita ou passa por Caleta Olivia é sem duvida visitar a estátua “El Gorosito” simbolo enigmático que o lugar presta homenagem aos petroleiros e ao petróleo. A estátua tem 13 metros de altura foi inaugurada em 13 de Dezembro de 1969, Seus criadores o escultor  Pablo Daniel Sánches e José Cifuentes.

Nesse trecho da Ruta Nacional 3 já é possível se ver vestígios de poços de petróleo.
Continuando viagem chegamos em Fitz Roy. Encontramos um YPF e resolvemos tomar um café e aproveitar abastecer. Nunca esquecer, andar com tanque sempre cheio.

ESTACIOS DE SERVICIO YPF – El Griego Srl.
RN.3 / Km.1997 – Fitz Roy

Abastecemos…………..22,9 litros
Preço da Gasolina……AR$     12,75
Gastamos……………….AR$ 293,00
Café AR$ 25,00.

Ruta Nacional 3 (RN.3)


Encontramos um YPF em Tres Cerros e como já era hora do almoço resolvemos parar para comer alguma coisa.

ESTACION DE SERVICIO YPF – Tres Cerros
RN.3 / KM.2113 – Tres Cerros

Tomamos uma Coca-Cola, comemos algumas empanadas e um café.
Gastamos AR$ 156,00.
Continuamos viagem. O tempo mudou um pouco mas parece que não vai chover.
Faltam 145 km.

No Km.2252 da RN.3 saimos a esquerda e pegamos o acesso para Puerto San Julian
Chegamos  em Puerto San Julian por volta de 16:00 horas.
Paramos na entrada da cidade, o celular já tinha sinal de internet para pesquisar hotel no Booking.
Encontramos dois hotéis. O primeiro era na Av. San Martin que é a principal da cidade. O segundo na Av. Hermando de Magallanes.
Paramos no primeiro, fui até a recepção para informações, ver o quarto e preço. Não gostei do quarto nem do preço.
Seguimos para o segundo.

No caminho vimos o Centro de Informações Turísticas e resolvemos parar para pegar informações da cidade e hospedagem. A senhora que nos atendeu era extremamente simpática e falante. Nos deu dicas do que ver na cidade apesar de ser baixa temporada e indicou para hospedagem a Hosteria Miramar (Pousada) quase em frente ao Centro de Informação na esquina da praia. Falou que o preço era muito bom e muito confortável.
Agradecemos e fomos ver a Hosteria.
Fomos atendidos pelo proprietário Sr.José Antonio, mas conhecido com Dom Pepe, um senhor muito alegre, conversador e simpático. Nos cativou com seu jeito.
O preço era bom, o quarto novinho, aconchegante e limpo com vista para o mar.
A Hosteria só tem 12 quartos, um dos motivos por ser bem aconchegante.
Resolvemos ficar ali mesmo.

                  HOSTERIA MIRAMAR
Av.San Martin c/ Urquisa – Puerto San Julian
 www.hosteria-miramar.com

Fizemos o check-in, descarregamos o carro e como ainda estava sol resolvemos dar uma volta pela orla.

Hosteria Miramar

Estava sol, mas também um vento gelado.

Passeando pela orla encontramos coisas interessantes de se ver, como:

Plaza Héroes de Malvinas
PLAZA HÉROES DE MALVINA
Fica na Avenida Hernando de Magallanes em frente ao Hotel Costanera.
Monumento comemorativo  do “Batismo de Fogo” da Força Aérea Argentina nas Malvinas.
Puerto San Julian funcionou como base chave de onde partiam os aviões de combate para as Malvinas.
O avião que compõem o monumento é real, é um caça Mirage Dagger que foi o primeiro avião a partir dali para combater nas Malvinas em 1 de Maio de 1982.
O monumento foi inaugurado em 1 de Maio de 2016
Nau Victoria
MUSEU TEMÁTICO NAU VICTORIA
Fica na rotatória da Avenida Hernando de Magallanes com a Avenida San Martin.
Replica em escala real da Nau Victoria de Hernando Magallanes, um dos cinco navios que partiram para uma volta ao mundo entre 1519 e 1522. A Nau Victoria retornou a San Julian totalmente destruída, parecendo um navio fantasma. Dos 234 marinheiros que iniciaram a viagem, somente 18 retornaram. O próprio  Hernando Magallanes morreu lutando nas Filipinas. Hoje é um museu temático que recria os aspectos construtivos do barco e inclui reproduções do cotidiano, instrumentos de navegação e artilharia. Procura através de uma tecnologia de som surround criar uma atmosfera para que o visitante tenha uma experiência  intensa com a historia. Foi inaugurado em 2005.   
Museu Temático Nao Victoria

Não conseguimos visitar o Museu Temático pois estava fechado.
Andamos mais um pouco pela orla e retornamos a Hosteria pois já estava escurecendo e queríamos tomar um banho, jantar e descansar.
Ao chegarmos pedimos informação sobre algum bom restaurante para jantarmos. A recepcionista nos indicou o Restaurante Naos o único aberto nessa época a noite. Só que abria depois das 20 horas. Normal na Argentina.
Nada como um bom e relaxante banho com muita água quente.
Descansamos um pouco e la pelas 20:15 horas saímos para ir ao restaurante. Apesar do vento e do frio fomos a pé mesmo pois era perto. A orla da praia estava praticamente deserta.

NAOS RESTAURANTE
9 de Jullio, 1113 c/Mitre – Puerto San Julian

Naos Restaurante

A foto não ficou nada boa, mas é só para registrar o jantar.
Jantar, vinho e café AR$ 510,00.
Recomendamos o Nos Restaurante.
Voltamos para a Hosteria, estava bem frio e ventava muito.
Boa noite.

RESUMO DO DIA

ROTA
RN.3

COMBUSTIVEL
 AR$  593,00……..46,45 litros

ALIMENTAÇÃO
AR$  800,00

HOSPEDAGEM
AR$  895,00

RECOMENDAMOS
Hosteria Miramar – Puerto San Julian
Nos Restaurante – Puerto San Julian

 

434 Km Rodados em 06:10h.

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*