11ºDia – Santos / Buenos Aires- Maio 2015

11º Dia / 14 Maio 2015 / Quinta-feira
(Buenos Aires-ARG / Colonia del Sacramento-URG)

Acordamos as 07:00 horas, arrumamos as malas e descemos para o café.
As 08:00 horas descemos para fazer o check-out e arrumar as malas no carro.
Pagamos por 3 diárias US$ 277,00
Tudo pronto, vamos iniciar nosso retorno ao Brasil
Hoje resolvemos não atravessar pelo Ferry Boat-Buquebus
Resolvemos atravessar para o Uruguai por Fray Bentos pelo Passo Fronteiriço San Martin.
Saímos de Buenos Aires pela RN.9/Autopista Panamericana.
Logo nos primeiros quilometro um pedágio. Esquecemos de marcar o local mas pagamos AR$ 8,00.
A RN.9 é uma auto pista de 6 faixas de rolamento, ao menos nesse trecho inicial.
IMG_2828 E
Paramos na Estação de Serviço YPF Bancalari na RN.9/KM 23,5 – San Isidro para abastecer, tomar um café e pipi.
O dia estava bom para viajar, sol e uma temperatura agradável.

Ruta Nacional 9 - Argentina
Ruta Nacional 9 – Argentina

Em  Norte Campana-RN.9  mais um pedágio AR$ 17,00. Estamos distraídos, novamente não marcamos a quilometragem.
Em Campana na RN.9 mais um pedágio AR$ 25,00.
Depois do pedágio deixamos a  RN.9 e pegamos a Ruta Provincial 6 (RP.6).
Continuamos até Zárate onde pegamos a RN.12 – Acesso Norte.
Complelo Ferrovial Zaráte/Brazo Largo
È a principal via de ligação entre o Sul da Província de Entre Rios e o Norte de Buenos Aires. Este complexo é formado por duas Pontes Estaiada, distante 30 Kms uma da  outra. O Complexo foi inaugurado em Dezembro de 1977. Em 1995 passou a ser chamado de Complejo Unión Nacional.

A ponte que cruza o Rio Paraná de Las Palmas tem o nome de Ponte Gral. Bartolomé Mitre.

A ponte que cruza o Rio Paraná Guazú tem o nome de Ponte Justo José de Urquiza
Em 2008 o Complexo foi declarado “ Bem de Interesse Histórico Nacional”.
Rodamos uns 58 Kms e chegamos em Ceibas.
No trevo do Hospital Eva Duarte saímos da  RN.12 e pegamos a RN.14 para Gualeguaychu.
Como já eram  12:00 horas, resolvemos  parar para abastecer , um lanche e esticar as pernas.
Paramos na  Estação de Serviço Shell El Parque – RN.14/KM 5 em Ceibas-Entre Rios.
Gastamos AR$ 362,00(combustível) e AR$ 82,00(lanche).
Seguimos viagem, o tempo continua agradável.

Rodamos mais 30 kms pela  RN.14. Depois de passar o Hotel Parador el Tague pegamos a primeira saída a direita para acessar a RP.16(Ruta Provincial) até Gualeguaychu.
No perímetro urbano de Gualeguaychu  a RP.16 passa a ser  Av. del  Valle.
Pegamos a esquerda na Av. Rocamora que depois passa a ser Primera Junta. Continuamos atravessando a cidade.
Passando o  Supermercado Carrefour  ao lado direito tem um trevo, pegamos a primeira saída a direita para acessar a RN.136 que nos levaria até o Passo Fronteiriço General San Martin.

20150514_130150-e

Rodamos uns 30 Kms e chegamos a um pátio cheio de caminhões. Pensamos que era a Imigração/Aduana. Mas não era.
Ali era o Complexo  Gendarmeria Nacional onde é feito o controle de cargas.
Tivemos que pedir informações para um motorista de caminhão  onde era a Imigração/Aduana, pois no local não existe nenhum tipo de sinalização ou informação.
O motorista nos informou que a Imigração/Aduana era depois da ponte.

Puente Libertador Gen. San Martin Ponte Internacional - Rio Uruguai
Puente Libertador Gen. San Martin Ponte Internacional – Rio Uruguai

Rodamos mais uns 5 Kms e depois de atravessar a ponte chegamos a Praça de  Pedágio(peaje).
IMG_2832 E
Para atravessar a  Ponte Libertador General San Martim(Ponte Internacional) pagasse um pedágio de AR$ 100,00 ou UYU 200,00. Indo da Argentina para o Uruguai o pedágio é depois da travessia.

Ponte Libertador General San Martin – cruza o Rio Uruguai  ligando a cidade de Unzué/ARG  a Fray Bentos/URG.  A ponte foi construída em 4 anos. Teve seu inicio em 1972 e foi inaugurada em 16 de Setembro de  1976. A ponte tem uma extensão de 5365 metros incluindo os acessos. Sendo 4220 metros em território Argentino e 1145 metros em território Uruguaio. O seu maior vão livre tem  45 metros de altura.

Nesse ponto a divisa da Argentina e Uruguai é sobre a ponte no meio do rio.

IMG_2843E
Praça de pedágio

No fim da travessia da ponte, passando o pedágio, já se esta  dentro do Complexo  Passo Fronteiriço General San Martin /Aduana de Fray Bentos-Departamento de Rio Negro-Uruguai.
A Imigração/Aduana de saída da Argentina é feita em conjunto com a entrada no Uruguay , já em território Uruguaio ( Bi Fronteira).
Nos dirigimos  ao prédio da Aduana para os tramites legais.
Ai começou a confusão.  Entramos no prédio e nos dirigimos ao balcão para pegar informações de como proceder, pois no local não existe nenhum tipo de informação ou indicação para o turista referente aos tramites legais. Fomos muito mal atendidos por um funcionário que falou que não era preciso fazer nada ali, pois o sistema era interligado e  como éramos brasileiros  e estávamos retornando ao Brasil o tramite de fronteira seria feito no Passo Fronteiriço Chuí. Ai começou o bate boca. Eu falei,  como no Chuí?  Sendo assim, quando eu chegar na fronteira do Uruguai com o  Brasil, no Chuí, a agente da Imigração Uruguaia vai ver que meu passaporte esta sem a saída da Argentina e sem a entrada no Uruguai. Sendo que a fronteira Uruguai Brasil não é Bi Fronteira. Nessas alturas eu já estava alterado e a esposa pedia calma que eu poderia ser preso. Eu bati no balcão e falei que preso nada, aqui ninguém quer saber de trabalhar é uma falta de respeito com o turista que vem gastar dinheiro no pais  deles e é tratado mal. Nisso uma funcionária que estava em um guiche ao lado, me chamou. Pediu nossos passaportes, olho e falou que era ali com ela que daria a saída da Argentina e a entrada no Uruguai. Ai eu falei, por que o incompetente do seu colega já não falou isso, ela  me olho e deu um sorriso. Para bom entendedor meia palavra basta. Ali ninguém se entende.
Esse foi o único incidente durante toda nossa viagem.
Pegamos nossos passaportes e a liberação do carro e saímos do prédio.

Olha só isso, Liberação do veículo
Olha só isso, Liberação do veículo

Pegamos o carro e logo a frente paramos novamente para um funcionário da  aduana verificar a liberação, fazer uma vistoria no porta malas do carro e nos liberar.
Ufa que confusão.

Seguimos viagem
Saindo do Complexo Fronteiriço estamos na  RN.2/URG.

Ruta Nacional 2 - Uruguai
Ruta Nacional 2 – Uruguai
Ruta Nacional 2 - Uruguai
Ruta Nacional 2 – Uruguai

 

Ruta Nacional 2 - Uruguai
Ruta Nacional 2 – Uruguai

A  RN.2 é pista simples mas muito bem conservada.

Ruta Nacional 2 - Uruguai
Ruta Nacional 2 – Uruguai

Rodamos  44 kms e estávamos em Mercedes/Departamento de Soriano-Uruguai.
Antes de chegar a Mercedes no Km 284 da RN.2 mais um pedágio(peaje) – 65,00 UYU.
A  RN.2 atravessa a cidade de Mercedes mas é tranquilo sem problemas.
Na saída da cidade o primeiro trevo é que dá acesso a  RN.21 que pegaremos até Colonia del Sacramento.
No trevo tinha um Posto Ancap e resolvemos parar para esticar as pernas, pipi é claro e um cafezinho (UYU 20,00), pra não perder o costume.

RN.2 - Posto Ancap - Mercedes
RN.21 – Posto Ancap – Mercedes

20150514_145359 E

De Mercedes até Colonia del Sacramento ainda teríamos aproximadamente uns 180Kms. Devemos chegar ainda com dia claro.
O tempo continua bom, sol, céu limpo e uma temperatura agradável.
E lá  vamos nos….
Depois de  39 Kms cruzamos a cidade de Dolores/Soriano-Uruguai.

Dolores - Uruguai
Dolores – Uruguai
Dolores é uma cidade do Departamento de Soriano.
Sua população é de aproximadamente 18.000 habitantes.Cresceu às margens do Rio San Salvador, afluente do Rio Uruguai. Sua economia baseia-se na atividade agropecuária e a cidade é conhecida como”la capital del trigo” ou “el granero del Uruguay”.
Cadedral Nuestra Senhora de Los Dolores - Dolores - Uruguai
Cadedral Nuestra Senhora de Los Dolores – Dolores – Uruguai
Praça da Igreja - Dolores - Uruguai
Praça da Igreja – Dolores – Uruguai
Dolores -Uruguai
Dolores -Uruguai

 

 

 

 

 

Ruta NAcional 2 - Uruguai
Ruta Nacional 2 – Uruguai
Rio San Salvador - RN.21 - Uruguai
Rio San Salvador – RN.21 – Uruguai

 

 

 

 

 

 

 

 

Rodamos mais 45 km e estávamos atravessando  Nueva Palmira.

Nueva Palmira é uma cidade do Departamento de Colonia.
Está localizada na margem leste do Rio Uruguai”.
Sua população é de aproximadamente 10.000 habitantes.
O porto de Nueva Palmira está localizado às margens do Rio Uruguai próximo a cidade. Desde a sua criação tem mantido uma grande atividade comercial. Este porto é o segundo maior do país, quando se refere a tonelagem de carga movimentada , precedido pelo porto de Montevidéu.
O porto está estrategicamente localizado, concentrando boa parte da produção nacional, incluindo frutas cítricas, madeira e seus derivados (tais produtos fazem parte da maioria das exportações nacionais). Por outro lado, recebe também grande parte das importações destinadas ao  Mercosul, a facilidade de utilizar a Navegação por cabotagem, facilita o transbordo de grandes navios para pequenas embarcações, podendo alcançar regiões mais ao Norte, utilizando a Hidrovia Paraguai-Paraná.

Continuamos mais 23 kms e estamos atravessando a cidade de Carmelo.

Carmelo - Uruguai
Carmelo – Uruguai

Uma das atrações de Carmelo é sua Ponte Giratória.

Ponte Giratoria - Carmelo - Uruguai
Ponte Giratoria – Carmelo – Uruguai
Ponte Giratória - Carmelo - Uruguai
Ponte Giratória – Carmelo – Uruguai

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A Ponte Giratória apresenta um espetáculo de dia e a noite, já que ao cair do dia é possível vê-la iluminada ficando  ainda mais chamativa. A Ponte Giratória é a marca indescritível da cidade de Carmelo, e é orgulho para seus habitantes, que desfrutam do lugar desde sua construção no ano de 1912, por uma empresa alemã.

Carmelo - Uruguai
Carmelo – Uruguai
atracadouro - Carmelo - Uruguai
Atracadouro – Carmelo – Uruguai

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Carmelo é uma cidade do Departamento de Colonia.
Foi fundada em 18 Fevereiro de 1816 pelo Cel. José Gervasio Artigas.
Esta localizada a margem esquerda do Rio da Prata, no cruzamento das rotas nacionais 2, 21 e 14.
É uma das cidades emblemáticas do departamento de Colonia.
Sua população é de aproximadamente 18.500 habitantes.
Nos últimos tempos essa pequena cidade do departamento de Colonia vem ganhando notoriedade e firmando-se como um dos destinos turísticos mais promissores do Uruguai.
Esse movimento ganhou mais força após a publicação de um artigo no The New York Times feito pela  guru do mundo das viagens e da boa vida, Danielle Pergament, que apontou o lugar como uma Tuscany in miniature”.
Vinícolas e campos de oliveiras fazem de Carmelo uma Toscana em miniatura.
Os oito vinhedos que cercam Carmelo formam uma região de 404 hectares.
O Microclima da região faz com que as uvas tannat amadureçam mais rápido em Carmelo.
A uva tannat, o orgulho do Uruguai, produz o “vinho dos machos”, chamado assim por ser forte.
Bodega Boutique Cordano-Carmelo-Uruguai
Bodega Boutique Cordano-Carmelo-Uruguai
Vinicula Familia Irurtia - Carmelo - Uruguai
Vinicula Familia Irurtia – Carmelo – Uruguai
Curiosidade
Curiosidade

São mais 78Kms até Colonia del Sacramento.
No caminho passamos por  Radial Conchillas / Passo de la Horqueta / Piedra de los Indios.
IMG_2865 E
Eram 17:30 horas chegamos em Colonia del Sacramento.
A viagem foi boa.
Como já conhecemos Colonia fomos direto ao centro procurar um hotel.
Na ida quando ficamos em Colonia vimos um hotel charmoso  em uma travessa da Avenida General Flores perto do restaurante onde almoçamos.
Fomos a procura. Rodamos uns 15 minutos e encontramos. Agora é só ver se tem vaga.

Hotel Italiano - Colonia del Sacramento - Uruguai
Hotel Italiano – Colonia del Sacramento – Uruguai

Hotel Italiano
Rua Intendente Suarez 105 Esq. Manuel Lobo
Para nossa sorte tinha vaga para um pernoite.
Fizemos o check-in, tiramos as malas do carro e fomos para o quarto.

Hotel Italiano
Hotel Italiano
Hotel Italiano
Hotel Italiano

 

 

 

 

 

 

Hotel Italiano
Hotel Italiano

Pagamos por um pernoite U$S 155,00.
Agora um bom e relaxante banho e depois sairmos para jantar.
Resolvemos ir jantar no Restaurante Punta Piedra que já conhecíamos e gostamos muito da comida e do atendimento em um ambiente  aconchegante.
punta-piedra-logo-e

 

Restaurante Punta Piedra
Av. Gral. Flores nº 248 esquina da Ituazaingó.
Pedimos uma Milaneza Napolitana para dois,como eles dizem “para compartilhar”, um suco, uma Coca-Cola  e um café.
Fomos muito bem servidos e a comida estava ótima.
Gastamos UYU 870,00
Mais uma vez recomendamos o Restaurante Punta Piedra.
Saímos do restaurante e fomos até um mercadinho a duas quadras do restaurante comprar  água.
Pagamos em uma garrafa de 1 litro UYU 24,00.
Fomos direto para o hotel.
Agora aquela noite de sono merecida.
Pra você uma boa noite e até amanhã.

RESUMO DO DIA:

ROTA
Argentina
= Auto Pista Panamericana / RN.9 / RP.6 / RN.12 / RN.14 / RP.16 / RN.136 / Ponte Libertador General San Martin.
Complexo  Passo Fronteiriço General San Martin /Aduana de Fray Bentos
Uruguai = RN.2 / RN.21

PEDÁGIO
Argentina
RN.9…………………………………..AR$   8,00
RN.9/Norte Campana……………..AR$  17,00
RN.9/Campana……………………..AR$  25,00
Ponte………………………………..AR$ 100,00
                                                               AR$ 145,00
Uruguai
RN.12 – KM.284/Mecedes….UYU 65,00

ALIMENTAÇÃO
AR$ 114,00
UYU 914,00

COMBUSTIVEL
AR$ 230,00…….18,45 L
AR$ 362,00…….24,32 L
AR$ 592,00     42,77 L

HOSPEDAGEM
U$S 155,00

 

RECOMENDAMOS
Hotel Italiano
– Colonia del Sacramento
Restaurante Punta Piedra – Colonia del Sacramento

 

495 Kms Rodados em 08:24 horas

 

 

 

 

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*